sábado, 16 de junho de 2012

*suspiros*

Tenho comido coisas erradas, tomado muito café. Estou me sentindo meio intoxicada por dentro.
Preciso de chá verde, salada, e água. Perdi o hábito da água quando o café entrou na minha vida. 
Também preciso de coisas novas. A minha eterna insatisfação não me deixa entrar numa rotina, não me deixa gostar das mesmas coisas por muito tempo. Odeio isso. Queria ser mais acomodada, mas sempre encontro um "mas", alguma coisa para provar que não está tudo bem e que eu preciso mudar. 
É exaustivo.

Criei um mantra para afirmar que tudo é normal e que eu amo as coisas que eu faço. Esse mantra é falho, não funciona mais. Acho que nunca funcionou...
Queria que existisse um antídoto contra insatisfação. Tomaria cada gota, sem pensar duas vezes.
Não tenho mais paciência com quase tudo e as pequenas alegrias que antes eu notava, passam despercebidas agora.

Sei lá, talvez tudo isso seja efeito de uma TPM daquelas... Ta aí uma boa desculpa para quase tudo, né?
Ando numa revolta que nem eu entendo da onde vem. Tudo me incomoda, tudo me irrita, quero fugir e ao mesmo tempo ficar e arrumar tudo que eu acho que está errado.

Talvez eu só precise de férias mesmo...



10 comentários:

  1. O Gab! Minha flor! Calma que é fase viu? Todo mundo passa por isso muitas vezes na vida, e ser acomodada nem sempre é uma coisa boa... Fique feliz por ter essa sede de mudanças, mas aprenda a mudar o que ta ruim pra melhor ao invés de simplesmente mudar, acho que ajuda um pouco... não é facil, mas a gente tem que começar de algum lugar alguma hora não?

    beijo amorinha

    ResponderExcluir
  2. Gabriela, guria, te entendo perfeitamente. Sou insatisfeita com uma pá de coisas na minha vida. Enjoo fácil e fico naquele estado de "tanto faz como tanto fez" que é um saco. Mas passa. É fase. A gente fica assim às vezes mesmo e daqui a pouco uma borboletinha atravessa nosso caminho e já nos faz sorrir e pensar o quanto a vida é linda e dá aquela louca vontade de pôr um vestido amarelo, dar uma de Lily Allen e sair cantando e dançando pelas ruas (como minha amiga diria: brisei, haha).
    Enfim, isso passa. Mudanças vêm e vão.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Mi mi mi, Gabi. Enquanto você tá tentando ser mais acomodada, eu tô tentando ser menos assim. Vamo trocar? '-'

    Eu concordo com a Alê: também acho que é fase, porque vira e mexe a gente fica de bode mesmo, de tudo. Mas é questão de ter calma e manter a fé. E vida pra frente! As coisas de resolvem, Gabizinha-inha :*

    ResponderExcluir
  4. eu tenho um mantra que funciona muito bem:
    http://www.youtube.com/watch?v=UCzLZJ_0OTY

    vê se funciona com você
    ^^

    ResponderExcluir
  5. De vez em quando eu também entro numa dessas de me sentir intoxicada por dentro. Por que essas coisas "sujas" têm que ser tão gostosas, né?

    Eu sei como é se sentir insatisfeita com tudo, parece que a coisa perfeita tá sempre atrás da esquina, mas nunca chega, né? Acho que um dia a gente se conforma e vê que o que a gente tem já é muito bom, ou pelo menos podia ser muito pior.

    E essa TPM é realmente a bitch :(
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Nossa, sou desse time. Nunca estou satisfeita, parece que sempre falta algo, que eu nunca sei o que é. :S Ás vezes melhora mas no geral, é assim. Espero que um dia isso acabe de vez, né?

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Quero um antídoto desses aí. Mas enquanto ele não aparece, continuo com mantras hahaha Que essa irritação passe logo, moça!

    ResponderExcluir
  8. o lance acima de tudo é justamente não criar grandes expectativas. esse lance de mantra tb me ajuda muito. o lance é parar pra pensar, pois seguir em frente e preciso.

    ;)

    ResponderExcluir
  9. Insatisfação deveria ser um nome obrigatório para cada ser humano, porque a maioria de nós é muito insatisfeito mesmo, seja com trabalho, estudos, relacionamentos, comida, tempo, com o que somos, etc etc etc, é normal. É só tentar não pirar com essas coisas e ir levando tranquilamente, né? hahah
    E a TPM, mãe das insatisfações durante aqueeeela semana. As mulhetes se transforam em malucas, gulosas, consumistas compulsivas, submersas em um total descontrole emocional (sou dessas). O que temos a fazer é esperar passar né? Comer nossos chocolatinhos, e chorar até mesmo assistindo desenho animado.
    Fique tranquila, logo logo passa :))) Beijos <3

    ResponderExcluir
  10. Estou numa fossa assim... tão próxima! Eliminei o café da minha vida antes que me apegasse excessivamente ao seu conteúdo. Faz um mal danado. Agora tento evitar descontar minha ansiedade nos doces, refrigerantes e travessuras. É muito chocolate. Eu já tenho uma vida muito doce, obrigada.
    Abraços.

    ResponderExcluir