terça-feira, 24 de abril de 2012

Tem que ver isso aí.

Ta rolando uma campanha voltada para os jovens. Aqueles que têm 16 anos já podem votar, e devem! É o que eles dizem...
Eu não concordo.
Primeiro que tem muito adolescente babaca por aí, que não tem nada na cabeça. Eu não acho que eles estão preparados para escolher alguém para representar a cidade. Claro, existem várias exceções. Meu irmão, por exemplo. Esse eu sei que tem uma cabeça boa para escolher um candidato.
E não é só por isso. Eu não gosto de política. Pra mim todo mundo é filho da puta e fim de história. Com 16 anos eu nem queria saber dessas coisas [talvez eu fosse uma dessas adolescentes sem nada na cabeça], só fui votar quando obrigada e mesmo assim, sem muita vontade.
Eu sei que votar é uma coisa importante, mas para mim não importa quem a gente vote, todos são corruptos, e se ainda não são, serão.
É eu sei, eu sou pessimista mesmo.

13 comentários:

  1. Gab, quando eu tinha 16 também não queria votar, ficava com preguiça de pesquisar os políticos pra saber em quem votar e ficava dando risada do programa político!
    Depois de um tempo me acostumei a pesquisar, mas ultimamente como não moro mais na minha cidade e não transferi meu título, justifiquei várias eleições...
    Eu acho que tem muita gente corrupta por aí sim (e eu que acreditava na integridade do Demóstenes Torres e do Aécio Neves? #tenso!), mas acho que tem gente que se salva sim, só que a gente tem que caçar.. e principalmente, tem que acreditar no poder do voto, senão realmente a pesquisa de nada adianta!
    Realmente tem essa de ser corrompido quando chega lá, mas sei lá... eu prefiro acreditar que eles vão se manter íntegros!
    Tb não curto política em geral, porque a gente não vê retorno nenhum dos nossos votos, dos nossos impostos...
    E acho que grande parte da culpa pelos jovens não terem muita cabeça pra votar é da política também, que não investe na educação de boa qualidade e nem se importa em formar jovens críticos......
    Longa discussão né...
    Adorei o novo layout =) Cartinhas e postais me encantam!
    Beijosssss

    ResponderExcluir
  2. Ansiei por completar dezesseis anos pra poder votar e não me arrependo. Concordo com a campanha do governo, desde que não tornem o voto obrigatório desde essa época, enquanto for optativo tá ótimo, mesmo que eles incentivem só quem quer vota. E ao contrarío de você, acho que tem gente de 16 anos com muito mais senso de voto do que a galera de 30.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Costumo dizer que o jovem coloca o cérebro na gaveta, tranca, e então está pronto para ser um adolescente. Também não acredito muito nos políticos, mas não acredito mais é na capacidade do povo de eleger tão mal (Tiririca, meldels, pra quê). Eu votei quando fiz 16 anos, sempre gostei de política apesar de não respeitá-la(os), mas acho um absurdo o voto obrigatório, pois tu é obrigado a votar e é aí que faz merda. Enfim, política é um negócio complicado.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Eu concordo contigo. Mesmo. Acho que a maior parte dos jovens são muito imbecis em questões políticas pra terem noção do que estão fazendo. E a maior parte que eu conheço vota nulo de qualquer forma.
    Realmente é algo necessário, mas que praticamente ninguém entende. :/

    Beijo.
    Wink!

    ResponderExcluir
  5. Ai, Gab.. Eu também tenho uma preguiça enorme de política.. Voto sempre no que acho menos pior, porque o MELHOR realmente ainda não existe. :S

    ResponderExcluir
  6. eu nem lembro com quantos anos votei pela primeira vez.
    mas, é verdade, eu não tinha muita noção das coisas. e acho que alguns jovens não estão preparados. haveria baixas na dia de votação se não fôssemos obrigados a isso,essa é a verdade. também sou meio como você, acho que todos são corruptos.por isso, tomei a decisão de votar nos candidatos underground [faz pouco tempo,mas,ao menos não me arrependo depois].

    ResponderExcluir
  7. sigo uma linha de pensamento parecida com a sua Gab, e to tão ansiosa pra votae quanto um hemofílico estaria para fazer exame de sangue.
    Ainda mais que politica é um troço chato que só piora com toda essa corrupção, msa fazer o que né?
    É nosso "dever" para com o estado,bleh.

    beijo

    ResponderExcluir
  8. Ai, eu amo política! Mas não tirei título e não tenho a mínima vontade de votar. Prefiro pagar a multinha de cinco dinheiros e não votar em ninguém.
    Acho que voto não devia ser obrigatório, isso evitaria muito babaca se elegendo!

    Beijo, Gab! <3

    ResponderExcluir
  9. Concordo com você em parte. Só acho que tem muito adolescente ligado em política com disposição pra mudar as coisas, pesquisar, e muito adulto que já cansou dessa história e vota em qualquer um (ou pior, aqueles que não têm sequer noção de como funciona tudo). Quem será que é pior?

    Nesse aspecto, acho que o voto dos adolescentes é válido sim, porque eles estão na fase de reivindicar e protestar.

    Não entenda isso com uma crítica, por favor! Só quis demonstrar meu ponto de vista, como leitora do seu blog.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  10. Nossa, pessimista mesmo HAHAHAHA Eu fiquei frustradíssima por não conseguir votar antes dos 18. Eu adoro clima de eleição, ainda que tudo me deixe indignada. E ainda que o voto não fosse obrigatório, eu votaria. Se é pra votar, escolho o menos pior. E odiaria que escolhessem o pior enquanto fico em silêncio.

    ResponderExcluir
  11. Tem tanta gente com mais de 18 e com cabeça de merda que acho que o país seria um pouco melhor se o voto não fosse obrigatório. Eu tirei título com 16 e votei uma vez, mas olha, eu nem devia ter ido porque sei que não fiz a coisa como ela deve ser feita. Não sou das mais otimistas também, e se pudesse, simplesmente não iria mais.
    E seu layout tá tão lindo que tenho vontade de não fechar mais o blog.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  12. Complicado essa história de política... Acho que para votar, o indivíduo tem que ter consciência e interesse, procurar saber o que cada candidato propõe em suas campanhas, essas coisas. Por mais que seja chato é importante ir para as urnas com o mínimo de conhecimento. É um dever do cidadão votar, então vamos encarar da melhor forma possível, não importando a idade.

    ResponderExcluir
  13. Eu gosto de votar com cuidado. Mas isso não quer dizer que eu goste de votar, e sim que eu quero me arrepender o menos que for possível, hahaha.

    ResponderExcluir